Explicando, com uma imagem, as diferenças entre as redes sociais

Explicando, com uma imagem, as diferenças entre as redes sociais

“Social Media Explained a la @ThreeShipsMedia” (via douglaswray)

Só há funcionários do Google no Google+? =P Mas tb não saberia como defini-lo.

Quando usava, parecia que o principal assunto era a própria rede social. Confesso que entro muito pouco, somente para mandar mensagens privadas. Nem vejo a timeline…

3 comentários sobre “Explicando, com uma imagem, as diferenças entre as redes sociais

  1. Não uso o Google+ pelo fato de que as pessoas com as quais me comunico também não usam, então… Acho que o Google deveria mudar de estratégia e tentar agregar novos serviços (ao invés de só correr atrás do FB, tentar correr na frente). Por exemplo, eles podiam iniciar uma parceria com o Steam e somar as duas redes. Ou com o LastFM. Ou integrar com o Blogger, de modo que as postagens no blog passassem a ser postagens no G+, assim como os comentários (e adicionar um botão de reblogging, que seria o mesmo que o share do FB). Quem sabe ainda permitir que as pessoas usem a sua página pessoal como um portal personalizado. Seria como um pseudo-site dentro da rede. Mas nada semelhante a opção de “páginas” do FB (que é uma droga), seria algo com liberdade para o usuário… Isso abriria muitas portas… Você ministra alguma aula e pode fazer da sua página no G+ a página com informações do seu curso ou de outro serviço profissional que você oferece, nada de likes em bandinhas pops ou marca de refrigerante, você pode oferecer o seu serviço (não exatamente uma loja online, mas um concentrador de informações) ou criar um pseudo-blog dentro da rede. As marcas e empresas não teriam números de curtir, mas números de assuntos comentados. Não é quantas vezes a página da Coca-Cola foi curtida, mas quantas vezes a Coca-Cola foi citada. Eu, como empresário, iria valorizar muito mais isso. Agora alguém me da um estágio na Google hahahaha :P

    caraca, falei demais xD

    Curtir

    1. raelPx, isso não é um comentário… é praticamente um post! =P

      O Google tem se empenhado muito em concorrer com sites já populares e não tem se saído muito bem nessa ultimamente.

      O Google+ poderia ser até melhor que o Facebook, mas é exatamente o que vc disse: se seus amigos não usam, pq vc vai usar? Por mais que ele tenha recursos bons (como o Hangout, por exemplo), imagino que só pegue mesmo com o declínio do Facebook.

      Agregar outros serviços seria um ótimo caminho. Eles já tinham isso em mente quando mudaram a política de privacidade… Quem comprar o Steam vai se dar muito bem, mas acredito que o Last.fm já teve dias melhores (faz anos que não atualizo minha conta…). A integração com o Blogger realmente seria a coisa mais natural do mundo (e ótima para alavancar os dois serviços); a sua ideia poderia funcionar muito bem. “Like” is overrated.

      Não esqueça de lembrar deste comentário-post quando for se candidatar a um estágio lá :P

      Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s